Wise Madness realiza oficina de dança no Jardim Nicéia

O evento atraiu e encantou moradores de todas as idades

Arthur Finati
Daniela Arcanjo
Guilherme Sette
Talita Bombarde

Na tarde do dia 30 de agosto, músicas e danças tomaram conta da quadra do Jardim Nicéia, com uma oficina de street dance promovida pela ONG Wise Madness. Para abrir o evento, os alunos do projeto fizeram uma apresentação de dança e logo em seguida convidaram as crianças do bairro para participarem da aula.

O presidente e coordenador da ONG, Marcus Vinicius Fernandes, conta que a Wise Madness foi fundada em 2009 e começou a funcionar após a doação do espaço pelo ex-promotor de Justiça, Enilson Komono. “Nós vemos o projeto como uma forma de transformação social. Através das atividades artísticas e esportivas podemos afastá-las de coisas que corrompem a sociedade, como drogas, violência e marginalidade, substituindo isso por algo que é bom e saudável”, comenta Marcus.

Antes de começar as atividades, a criançada conversa com os professores contando sobre a semana, fazem as aulas e o dia termina com um lanche. A professora de dança, Lívia Komono Tojeiro, acredita que o projeto é um instrumento de mudança na vida das crianças, já que elas aprendem, junto com a dança, noções de respeito, bons modos e trabalho em equipe.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Lívia conta que teve a ideia de montar o projeto de street dance há mais ou menos dois anos, porque queria “trabalhar com crianças que carecessem de alguma atividade”. Ela conseguiu um espaço com o seu tio e convidou as crianças do Jardim Europa para participarem das aulas. Com o tempo, os primeiros alunos foram chamando os colegas do Jardim Nicéia e, atualmente, o projeto conta com aproximadamente 20 participantes.

A estudante Kerolyn Jaqueline de Souza frequenta a ONG há um ano e conta que mudou desde que começou a frequentar as aulas: “antes eu era meio ‘cabeça-dura’, hoje aprendi a escutar as pessoas”. Para ela, poder desenvolver habilidades ao mesmo tempo em que aprende valores é o que faz todos se sentirem em casa na Wise Madness.

Vanessa da Silva acompanhou a oficina e contou que conhece algumas crianças que participam do projeto. Segundo ela, a ONG é algo diferente e os jovens estão satisfeitos em participar. Vanessa relatou ainda que as crianças estão mais calmas depois que começaram a ir às aulas de dança. Para Cláudia Fabiana de Almeida, mãe de quatro crianças que participaram da oficina, projetos como esse são importantes para diversificar as brincadeiras dos jovens, que só possuem a pracinha como meio de entretenimento. Cláudia também aponta a importância de iniciativas como essa em relação à segurança. “Para os meus filhos, brincadeira é somente na rua e, muitas vezes, a gente não está aqui pra ver. Quando tem algo assim, a gente sabe que tem alguém cuidando’’, explica.

Dentre os cursos que a Wise Madness oferece estão teatro, pirofagia, esportes radicais e breaking. A ONG fica na Vila Aviação, próximo do Jardim Nicéia e tem como objetivo atender crianças e adolescentes.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s