Evento comunitário agita sábado no Nicéia

Poder público e iniciativa privada se unem para prestar serviços aos moradores

Quintal da casa de Dona Terezinha serviu de sede para o projeto Ação Cidadania. Foto: Beatriz Haga

Beatriz Haga
Vitor Moura

No sábado, dia 30 de abril, o Jardim Nicéia recebeu o projeto Ação Cidadania, em um evento que contou com serviços voltados à comunidade. Na falta de uma sede oficial, a moradora Dona Terezinha recebeu em sua casa os vizinhos. “Eles me procuraram no bairro e eu resolvi ceder minha casa para colaborar com a prefeitura e com a comunidade”, conta Terezinha.
A iniciativa é uma parceria da Secretaria das Administrações Regionais (SEAR) e da Faculdade Anhanguera. O secretário da SEAR, Ricardo Oliveira, explica como é o projeto: “o Ação Cidadania é um projeto que reúne parceiros tanto do poder público municipal, quanto estadual e federal, e também da iniciativa privada, para que sejam levados serviços gratuitos à população”.

SEMMA distribuiu mudas de plantas. Foto: Beatriz Haga

Entre os serviços disponíveis estavam emissão de carteira profissional pelo Ministério do Trabalho, orientação do INSS sobre benefícios previdenciários e conscientização sobre os cuidados com a dengue pela Secretaria da Saúde. Já a Secretaria do Meio Ambiente, distribuiu mudas de plantas aos moradores. “Na medida em que você traz esses serviços onde as pessoas residem, você facilita o acesso delas a isso”, completa Ricardo.
Alunos voluntários da Anhanguera, de diversas áreas, também colaboraram no evento, realizando ações como exames básicos de saúde, orientação jurídica e fisioterapia. Os estudantes de Psicologia e de Educação Física cuidaram da recreação das crianças com rodas de ciranda e jogos. “Num primeiro momento a comunidade fica meio receosa com a presença de pessoas estranhas, mas depois de uma hora de evento começa a perceber que é interessante, que está sendo feito algo de bom no bairro”, explica o coordenador de curso da Anhanguera, João Alfredo Carrara. Ele conta também que o evento correu de forma tranqüila e teve grande participação dos moradores.

Embelleze ofereceu cortes gratuitos. Foto: Beatriz Haga

O Instituto Embelleze colaborou com a mudança do visual, cooperou com cortes de cabelo e dicas de maquiagem. “O que muita gente considera uma coisa pequena, como um corte de cabelo, para algumas famílias pode ser uma coisa grande”, destaca a presidente da Associação dos Moradores do Nicéia, Joana da Silva.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s